Pular para o conteúdo principal

Carta para Marina

Marina, você não imagina como a dinda ficou emocionada quando abriu o e-mail e viu que a sua mãe me mandou esse trabalhinho da escola que você fez, onde você lembrou da viagem que fez com papai e mamãe para visitar a dinda lá em Salvador, onde eu morava. A visita de vocês foi maravilhosa e eu fiquei mais feliz ainda quando vi você chegar com aquela blusinha que a mamãe mandou fazer: "Dinda cadê você, eu vom aqui só para te ver!". A sintonia que existe entre nós, só nós duas sabemos e ela existe desde que eu e sua mãe combinamos que eu seria sua madrinha... Confesso que senti ciúmes quando você nasceu porque era muita gente pertinho e eu longe! Mas também no dia do seu batizado, eu grudei em você e nã deixava ninguém tirar você do meu colo hehe. Achei que você não lembraria de mim porque eu morava a 1649km de distância, mas você começou a me mostrar de várias formas que isso era bobeira aqui da dinda e agora então com essa lembrança que você tem da viagem só fez confirmar o que já sabíamos. Obrigada, meu amor por esse carinho e por ser essa princesa linda que você é e que eu amo demais! Ah e hoje ainda fiquei mais bobona quando sua mãe me ligou e disse que você pediu para ela me ligar e me chamar para ver a peça Arca dos Bichos com vocês... é muito maravilhoso saber o quanto sou importante na sua vida e saiba que você é fundamental na minha!!! A dinda aqui te ama demais!!!
PS: E fique sabendo que a dinda é chorona hein... hehe

Comentários

ErikaMartin disse…
"Numa folha qualquer eu desenho um sol amarelo
e com cinco ou seis retas é fácil fazer um castelo.
corro o lápis em torno da mão e me dou uma luva,
e se faço chover, com dois riscos tenho um guarda-chuva.
Se um pinguinho de tinta cai num pedacinho azul do papel.."
Essa carta da Mari poderia virar música de tão linda que é...Parabéns amiga por ser uma Dinda amada e querida...Mari é uma fofa,uma princesa daquelas alegres e divertidas...Tantas histórias d vcs duas...Todas registradas no coração!!!
Alê disse…
Amiga, você nunca é esquecida por ninguém!
Seu jeito atrapalhado, exagerado e ao mesmo tempo doce, falante e amável é uma dádiva pra quem convive com você.
Meus filhos todos serão seus afilhados(até parece que eu vou ter um time de futebol, né?hahaha)
E Marina sente exatamente o tamanho do seu amor por ela.E o dela por ti é recíproco!!!
Existem amigos que a gente escolhe pra ser familia e vc é uma amiga de alma, minha irmã de coração.E com Marina não será diferente!
: )
Patricia Ramos disse…
Alê sempre me fazendo chorar hehe
Será que terei outra Laura de afilhada?? ou será mesmo um time de futebol?? hehehehehehe AMO!!!!!
Alê disse…
do jeito que as coisas estão devagar................hum...........
só se vierem todos juntos numa barrigada só!hahahahaha

Postagens mais visitadas deste blog

"Aonde quer que eu vá"

Quem é que nunca ouviu uma música e lembrou de um momento da vida? Músicas, cheiros... quando ouvimos ou sentimos parece que entramos numa máquina do tempo e vamos até o momento em que vivemos tal situação... Hoje eu estava no carro e tocou no rádio uma música do Paralamas do Sucesso "Aonde quer que eu vá levo vc no olhar..." E essa música fez parte de um momento da minha vida... E a letra é incrivelmente linda... Logo depois q o Hebert e a mulher sofreram o acidente e ela morreu eu soube que ele escreveu essa música antes do acidente e fiquei boba porque parece que ele "pressentia" o que aconteceria... Na verdade lá no fundo do nosso ics, da nossa alma pressentimos muitas coisas e colocamos isso em carta, textos, músicas... E parece que Hebert fez isso pressentindo que seu amor iria para um outro plano... Eu sempre tive uma intuição forte e aguçada e muitas coisas que aconteceram na minha vida pareciam que aconteciam do nada, mas eu já sabia que algum dia tal situ…

Para Laura

Resolvi reservar um cantinho aqui no blog para contar para você, Laura como foi a gravidez da mamãe a sua espera...  Minha sobrinha querida,
Eu soube que sua mãe estava desconfiada de que você estava lá sendo gerada dentro dela...
No dia 17/01/10, domingo, fomos no churrasco na lage da casa da tia Alessandra e minha princesa Marina ficou grudada na sua mãe... sua mãe começou a desconfiar de que a menstruação atrasada significava mesmo que você já estava lá... Neste mesmo dia a noite ela falou comigo no MSN:
- Patyça, tô bolada
- Por que??
- Minha menstruação tá atrasada, era para ter vindo dia 15
- Mas tá sentindo alguma coisa?? Faz o teste de farmácia
- Eu fiz semana passada mas deu negativo, mas meu peito tá doendo... não sei...
E assim ficamos na expectativa... até que depois de um feriado de São Sebastião em familia, onde eu, sua avó, seu pai e sua mãe almoçamos juntos, jogamos juntos e finalizamos o dia assitindo um belo pôr-do-sol no Arpoador e comendo um koni... (…

"Amar é dar o que não se tem"

Esta frase é de Lacan e que para mim faz todo o sentido pois descreve de forma sucinta e ampla o significado do AMOR. Para muitos pode parecer uma frase sem sentido, pois pensa-se: como assim? Como posso dar o que não tenho? Mas o grande barato de amar alguém é realmente dar àquela pessoa o que nos falta... que é o indizivel, o que nos move, o que nos faz desejar, o que nos faz andar sempre em frente em busca dos nossos sonhos, dos nossos ideais... Amar alguém é simplesmente querer dar e receber amor em forma de atenção, de cuidado, de carinho, de gestos, de querer ficar junto, de querer continuar em um outro ser... porque não existe amor mais profundo do que o amor de pais e filhos, pois aquele ser representa uma história, representa a "falta" de cada um dos pares que gerou aquela criança e é por isso que eu tenho plena certeza de que o amor é algo sublime, que nos faz crescer, que nos faz progredir, que nos faz feliz... Há muitas frases que falam de amor, mas essa de Lacan…