Pular para o conteúdo principal

"Welcome to the Jungle"

Janeiro 2010 - Rob me pergunta: E aí? Vamos no show do Guns dia 14/03 na Apotesose e eu pensativa quanto ao valor, respondo: Vamos, mas espero que ele toque também as músicas antigas...

Fevereiro 2010 - Recebo uma msg de B perguntando se quero ir ao show do Guns, no que respondo que irei com Rob... dias depois ele confirma presença. Então seremos eu, Rob, B e Seré na Apotesose curtindo Guns `n Roses... Muitas recordações estavam por vir, muitas histórias para contar, pois o Guns faz parte da minha vida há mais de 20 anos e embala a primeira e longa e ainda atual história de amor da  minha vida...
14/03/2010 - Amanheço o dia na casa de Rob, após ter assistido ao show do A-Ha no Citibank Hall na noite anterior... Apesar da chuva da noite passada, tempo bom, com sol e calor... Sigo para o pic-nic de comemoração do niver das gêmeas Júlia e Sofia e vou para casa desacansar para a maratona do show a noite, já que eu e Rob lemos em todos os sites que ele atrasou 3 horas e meia em Brasilia, 3 horas em São Paulo e por aí vai... então no Rio não seria diferente...
O combinado era que todos viriam para minha casa e íriamos para a Apoteose de metrô...
17:30 - começa a cair uma chuva torrencial que tem muito vento e jeito de chuva braba...
19:30 - Recebo o telefonema de Ret e Gabriel que acabavam de ouvir no rádio a noticia:
"Show do Guns ´n Roses na Apoteose é cancelado por causa da chuva" O palco desabou...
Caramba... decepção total para os 4 showzeiros de plantão, mais ainda para B que voltou para SSA no dia seguinte...
Alguns dias de suspense para saber se haveria novo show ou se devolveriam o dinheiro...

Até que a espera acabou e foi decidido que o show seria dia 04/04/10 - domingo de Páscoa e não é que São Pedro decidiu que choveria neste dia...

Lá fomos nós, dessa vez apenas eu e Rob as 20:00 para Apotesose, vimos o show da bandinha Majestic... Depois o show do Sebastian Bach que acabou as 22:30 e sentamos porque nós já sabíamos que iria demorar... parecia Rock in Rio que estendíamos as cangas e sentávamos no chão aguardando entre um show e outro...

Após 40 minutos de espera começam os xingamentos das pessoas... Seu filho da p..., vai tomar...
E eu calmamente sentada em cima da minha capa de chuva, já que a essa altura a chuva havia parado...
Pensei: o show vai começar entre 1:00 e 1:30... quando me perguntavam e eu falava isso as pessoas se revoltavam, mas foi como eu ouvi uma pessoa dizer: "fã que é fã sabe que ele atrasa sempre e que atrasou em todos os outros shows, por que aqui seria diferente??"

Entendo que era um domingo e que no dia seguinte a maioria iria trabalhar, mas é o tal negócio, fã é fã e celebridade é celebridade hehe

Olha gente, quero deixar claro que não acho certo a pessoa atrasar, não concordo com esse atraso e também acho desrespeito, mas quero apenas dizer que esse atraso é típico dele e que sempre atrasou e que quem conhece sabe e tem a opção de ir ou não... Lembram do Tim Maia?? Então, ele também atrasava e as vezes nem ia...

Enfim, a espera acabou a 1:10 da madruga...

Show pirotêcnico no palco, SUPER produção e lá vem Axl incendiando a Apoteose com uma música do novo CD Chinese Democracy... As pessoas deixaram os xingamentos de lado e começaram a aplaudir, ainda um pouco timidas e ainda com bastante raiva pelo "derespeito da espera"...
Mas aí o guitarrista começou a segunda música... um solo... que os fãs já sabiam o que viria...

E aí vem Axl e pergunta:
"YOU KNOW WHERE YOU ARE????? YOU ARE IN THE JUNGLE BABY..."

Aí já era a mágoa, raiva tudo passou e o que se escutava eram os gritos:
"GUNS ´N ROSES, GUNS ´N ROSES, GUNS ´N ROSES"

E eu enlouquecida pulando, esqueci meu tornozelo torcido, meu cabelo que não podia molhar e revivi toda a minha adolescência...

E gritei e pulei e curti todas as músicas: "YOU COULD BE MINE", "NIGHTRAIN", "LIVE AND LET IT DIE", "KNOCKIN´ ON HEAVEN´S DOOR", "SWEET CHIL O´MINE" "NOVEMBER RAIN" as novas do CD novo que também gostei, solo de "ANOTHER BRICK IN THE WALL", solo do tema do filme "A pantera cor de rosa" e para finalizar com chave de ouro: "PATIENCE" E "PARADISE CITY"
O que posso dizer? Apenas uma palavra: E-S-P-E-T-A-C-U-L-A-R!!!!!
E ao terminar, sairam do palco e voltaram todos abraçados, com o solo de guitarra tocando o hino brasileiro e Axl disse: "OBRIGADO, I HOPE WE WILL SEE YOU AGAIN"
E eu espero também... AMEI!!!!! E segundo uma amiga: ela sempre sai dos shows apaixonada pelo cantor e no show do Cold Play ela só queria ser amiga do Chris eu digo: SAÍ MAIS APAIXONADA AINDA PELO AXL rsrsrsrsr

Foto 1- panorama do palco
Foto 2- Eu e Rob
Foto 3 - AMEI


Comentários

Raíssa disse…
Fiquei arrepiada só de ler a descrição que vc fez do show, Patyça! Imagino pra quem estava lá o que deve ter sido!!! Beijocas
Luana disse…
Muito maneiro!!!Tb me arrepiou!!!
Bjsss
Roberta Almeida disse…
O show foi MARAVILHOSO!!! Valeu a espera! Valeu a pena cada música, cada momento, cada lembrança!
I also hope to see them again soon!!!
Bjs!
Alê disse…
uhu!!! rock an roll!!!
Welcome to the jungle, na,na,na,na,na,na.....
: )
ErikaMartin disse…
O show deve ter sido mara mesmo. Lembro-me do show na época do Rock in Rio eu me amarrei aí com as minhas maluquices no dia seguinte ia ter outro só q com bandas só doideira mesmo..aí fui sozinha!! Q maluquice a minha..menti para minha mãe, fingi q ia me encontrar com a Lara kkk aí cheuguei lá a banda q abriu o evento foi a do Lobão kkk Todo mundo vaiou e ele mandou todo mundo tomar no cú kkkk E eu lá...só gente punk da pesada..aí de repente..eu tinha ido de top aí um maluco começou a viajar com a minha tatoo..acho q ele tinha tomado um ácido pq não parava de enfiar um canudo nas minhas costas achando q meu escorpião estava se mexendo kkkk e eu morrendo de medo!!! mas qdo começou o show...putz surreal minha querida..foi uma noite inesquecível!!! Eu com meus 16 anos amarradona...e adivinha quem eu encontrei lá?É e caguei...kkkk bjs
Patricia Ramos disse…
cara, Erika só vc mesma... passando mal de rir com a história do canudo... e é obvio que já sei quem foi... rsrsrsrssrsrsrsrrssrsrsrsr bjos

Postagens mais visitadas deste blog

"Aonde quer que eu vá"

Quem é que nunca ouviu uma música e lembrou de um momento da vida? Músicas, cheiros... quando ouvimos ou sentimos parece que entramos numa máquina do tempo e vamos até o momento em que vivemos tal situação... Hoje eu estava no carro e tocou no rádio uma música do Paralamas do Sucesso "Aonde quer que eu vá levo vc no olhar..." E essa música fez parte de um momento da minha vida... E a letra é incrivelmente linda... Logo depois q o Hebert e a mulher sofreram o acidente e ela morreu eu soube que ele escreveu essa música antes do acidente e fiquei boba porque parece que ele "pressentia" o que aconteceria... Na verdade lá no fundo do nosso ics, da nossa alma pressentimos muitas coisas e colocamos isso em carta, textos, músicas... E parece que Hebert fez isso pressentindo que seu amor iria para um outro plano... Eu sempre tive uma intuição forte e aguçada e muitas coisas que aconteceram na minha vida pareciam que aconteciam do nada, mas eu já sabia que algum dia tal situ…

Para Laura

Resolvi reservar um cantinho aqui no blog para contar para você, Laura como foi a gravidez da mamãe a sua espera...  Minha sobrinha querida,
Eu soube que sua mãe estava desconfiada de que você estava lá sendo gerada dentro dela...
No dia 17/01/10, domingo, fomos no churrasco na lage da casa da tia Alessandra e minha princesa Marina ficou grudada na sua mãe... sua mãe começou a desconfiar de que a menstruação atrasada significava mesmo que você já estava lá... Neste mesmo dia a noite ela falou comigo no MSN:
- Patyça, tô bolada
- Por que??
- Minha menstruação tá atrasada, era para ter vindo dia 15
- Mas tá sentindo alguma coisa?? Faz o teste de farmácia
- Eu fiz semana passada mas deu negativo, mas meu peito tá doendo... não sei...
E assim ficamos na expectativa... até que depois de um feriado de São Sebastião em familia, onde eu, sua avó, seu pai e sua mãe almoçamos juntos, jogamos juntos e finalizamos o dia assitindo um belo pôr-do-sol no Arpoador e comendo um koni... (…

"Amar é dar o que não se tem"

Esta frase é de Lacan e que para mim faz todo o sentido pois descreve de forma sucinta e ampla o significado do AMOR. Para muitos pode parecer uma frase sem sentido, pois pensa-se: como assim? Como posso dar o que não tenho? Mas o grande barato de amar alguém é realmente dar àquela pessoa o que nos falta... que é o indizivel, o que nos move, o que nos faz desejar, o que nos faz andar sempre em frente em busca dos nossos sonhos, dos nossos ideais... Amar alguém é simplesmente querer dar e receber amor em forma de atenção, de cuidado, de carinho, de gestos, de querer ficar junto, de querer continuar em um outro ser... porque não existe amor mais profundo do que o amor de pais e filhos, pois aquele ser representa uma história, representa a "falta" de cada um dos pares que gerou aquela criança e é por isso que eu tenho plena certeza de que o amor é algo sublime, que nos faz crescer, que nos faz progredir, que nos faz feliz... Há muitas frases que falam de amor, mas essa de Lacan…